Serviço

Prefeitura e Unifei retomam Sistema de Monitoramento contra enchentes

A reimplantação do Sistema de Monitoramento contra Enchentes foi pauta da reunião do Conselho Consultivo da Câmara de Dirigentes Lojista (CDL) de Itajubá, realizada nesta quarta-feira, 29 de novembro. O sistema será operado em uma parceria entre a Universidade Federal de Itajubá (Unifei) e Prefeitura, por meio da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil.

Os convidados para falar sobre o assunto foram os professores do Instituto de Recursos Naturais da Unifei, Benedito Cláudio da Silva e Michele Simões Reboite, e o coordenador municipal da Defesa Civil, João Tarcísio de Oliveira Júnior.

O sistema começou a operar em 2009, sendo descontinuado em 2014 por uma série de problemas burocráticos, como a falta de renovação do contrato entre as partes e as responsabilidades de cada um na manutenção do serviço.

“Em 2015, começou uma nova tratativa entre Prefeitura e Unifei para reativar o sistema, equacionamos esse problema por meio de um novo contrato e começamos a remontar as estações acima de Itajubá. Decidimos recomeçar com seis estações”, explicou o professor Benedito Cláudio. “Apenas quatro estão em operação por uma questão orçamentária, mas são suficientes para emitir os alertas necessários em caso de chuvas fortes”, completou o coordenador da Defesa Civil, João Tarcísio.

Os dados coletados são disponibilizados por meio do site https://meteorologia.unifei.edu.br/. “Vale ressaltar que, em caso de emergência, os alertas serão feitos por meio dos canais oficiais da Prefeitura e por comunicados nas emissoras de rádio do município”, garantiu o coordenador da Defesa Civil. O telefone da Defesa Civil é 199.

A professora Michele Simões lembrou que outro problema é com a manutenção do site, que foi criado por alunos mediante recursos disponíveis. “A verba acabou e já solicitei, via Fapemig, mas até agora não temos resposta”. “Buscamos resolver esse problema com a falta de recursos com a aplicação em prioridades. Terminamos uma estação importante, depois corremos atrás de verbas para a instalação de outras”, disse João Tarcísio.

Fonte:

Agência Contexto

Sobre o autor

Markinhos Vilas Boas

Radialista desde 1988
07h00 as 08h00 Futura FM 106,9
09h00 as 11h00 UAI.FM

Fazer um comentário

Clique aqui para comentar